Ministério recebe projeto de transporte aquaviário para região

O Departamento de Fomento do Ministério da Infraestrutura (Minfra) demonstrou interesse no projeto do empresário e advogado santista Gontran Parente, que busca tornar o transporte aquaviário acessível a milhões de brasileiros, tanto em rios como no mar.


Com anos de dedicação ao setor naval, Parente pretende implantar, nas nove cidades da Baixada Santista, um projeto piloto desta iniciativa, oferecendo transporte rápido, seguro e barato, principalmente às comunidades que vivem em palafitas e áreas sem infraestrutura.


Em reunião no Minfra nesta quinta (4/11), agendada pela deputada federal Rosana Valle (PSB), o empresário recebeu orientações para aperfeiçoar alguns detalhes do projeto, de modo que possa ter acesso a um financiamento do Fundo da Marinha Mercante para colocar em operação as 43 embarcações necessárias para atender, primeiro, a Baixada Santista.


“O projeto do Gontran Parente teve grande interesse do ministério porque tem um enorme alcance social. Ele recebeu as orientações e voltará a se reunir com o Departamento de Fomento”, disse a deputada, após a reunião.


Gontran, que fundou a SPHidro para esta iniciativa, disse que estas populações carentes poderiam se locomover mais rapidamente pela região em embarcações seguras, ágeis e a custo baixo.


“Nosso complexo estuarino é todo navegável. Com este apoio do Governo Federal, a Baixada Santista seria ponto de partida para um sistema de transporte público que atenderia as populações costeiras e ribeirinhas do Brasil”, afirmou o empresário, que agradeceu a ajuda da parlamentar.




9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo