Rosana Valle levará situação do Hospital Santo Amaro, de Guarujá, ao Ministério da Saúde

A deputada federal Rosana Valle (PL) levará o problema do Hospital Santo Amaro, responsável pela maior parcela do atendimento SUS em Guarujá, ao Ministério da Saúde. A direção do hospital filantrópico já pensa em reduzir serviços e também o número de leitos à disposição dos usuários. O Santo Amaro opera com um déficit mensal de R$ 1 milhão.


A parlamentar foi procurada pela direção do Hospital Santo Amaro, que pede um aumento dos repasses pelos serviços que presta. Os valores estão defasados e o dinheiro que a Prefeitura repassa para ajudar o estabelecimento não consegue dar conta dos custos operacionais.


Além disso, o diretor do hospital, Urbano Bahamonde Manso, informou à deputada que, sem o aumento nos repasses ao Santo Amaro, não terá como pagar o merecido aumento que está para ser aprovado, no Congresso Nacional, no salário dos enfermeiros e técnicos, que também terão reduzida a carga horária.


“Votarei novamente a favor do aumento desta importante categoria, que há anos luta pela conquista de um piso salarial”, afirmou Rosana Valle, que entrará em contato com a Frente Parlamentar que trata deste problema dos hospitais filantrópicos.


“Os hospitais filantrópicos precisam deste reforço para cumprir a lei que será aprovada e também para garantir o atendimento essencial que prestam à população. Também pedi ao diretor um diagnóstico das necessidades do Santo Amaro para levar ao Ministério da Saúde”, afirmou a deputada.



deputada Rosana Valle, Hospital Santo Amaro, Guarujá, SUS, Sistema Único de Saúde, Ministério da Saúde

16 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo