Tratamento gratuito da endometriose passa em 1ª votação na Câmara

Deputada Rosana Valle foi a relatora do Projeto de Lei


A Câmara Federal aprovou, em primeira votação, na Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher, o PL 3246/2021, que institui o Programa de Prevenção e Tratamento da Doença Endometriose, no Sistema Único de Saúde (SUS).


A relatora do PL, deputada federal Rosana Valle (PSB), lembra que a endometriose é uma doença crônica que afeta mulheres em idade reprodutiva. A endometriose afeta cerca de 10% da população feminina brasileira, segundo a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), sendo mais frequente entre mulheres de 25 a 35 anos de idade.


A doença é causada por uma infecção ou lesão decorrente do acúmulo, em outras partes do corpo, das células que recobrem a parte interna do útero (o endométrio) e que são eliminadas com a menstruação.


"Aprovamos o texto, que segue agora para avaliação nas comissões de Seguridade Social e Família, Finanças e Tributação e Constituição e Justiça. Precisamos garantir tratamento gratuito para todas as mulheres", disse Rosana Valle.




8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo