Unidade Especializada em Violência contra mulher será instalada no colégio Acácio de Paula L.Sampaio

A nova Unidade Especializada em Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher, garantida pelo desembargador presidente do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJSP), Manoel de Queiroz Pereira Calças à deputada federal Rosana Valle (PSB/SP), será instalada no colégio Acácio de Paula Leite Sampaio.

Nesta segunda-feira (4), durante cerimônia em que o colégio foi cedido pela Prefeitura de Santos à Câmara, a parlamentar fez o pedido e recebeu a confirmação de que o equipamento poderá funcionar. O prefeito de Santos, Paulo Alexandre (PSDB) e o presidente do Legislativo santista, Rui De Rosis (MDB), aprovaram a iniciativa.

“O lugar é ideal, pois fica próximo ao Fórum de Santos. É uma reivindicação existente desde o ano de 2005, de prefeitos e vereadores. Por isso, não poderia deixar de entrar nessa luta. Conseguimos o compromisso do desembargador e com certeza esse equipamento irá otimizar e agilizar o atendimento daquelas que sofrem casos de violência na cidade”, afirma a deputada.

Após a reforma, prevista para ser finalizada no segundo semestre de 2020, o espaço receberá a Escola do Legislativo e da Cidadania, voltada à capacitação de servidores e oferta de cursos à população. O prédio também vai abrigar a ampliação das instalações administrativas da Câmara, com espaço suficiente para a instalação da Unidade Especializada.

O edital para a reforma elétrica, hidráulica e das instalações internas deve ser publicado nas próximas semanas. Em abril deste ano, o prédio completou 50 anos, uma criação do arquiteto Décio Tozzi.


Histórico

Em julho, a deputada Rosana Valle conseguiu a garantia da instalação de uma Unidade Especializada em Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher, em reunião com o desembargador Manoel de Queiroz Pereira Calças.

Participaram da reunião o diretor do Fórum de Santos, juiz Valdir Marinho, o corregedor-geral da Justiça juiz Geraldo Francisco Franco, e a coordenadora da mulher da Prefeitura de Santos, Diná Ferreira Oliveira.

A região Sudeste conta com 34 Varas Especializadas no julgamento de processos de violência doméstica e familiar contra a mulher. Na Capital existem sete unidades, no interior, treze e nenhuma na Baixada Santista. Aqui, os casos de violência doméstica tramitam nas varas criminais e cíveis comuns.

“Já autorizei o andamento a essa unidade que é tão importante para Santos. A estimativa é que seja entregue nos próximos meses”, afirmou o Desembargador presidente do TJSP Manoel de Queiroz Pereira Calças.

Com a Lei Maria da Penha (11.340/06) e as delegacias de Defesa da Mulher (DDM), o número de atendimentos tem aumentado, e com isso, mais casos entram na fila para serem resolvidas.

Em Santos, segundo a delegada Titular Fernanda Souza, são 3.000 Boletins de Ocorrência por ano. Destes, 50% acabam convertidos em processos que necessitam de julgamento. Desde 1º de janeiro de 2019 até 27 de maio deste mesmo ano, foram registrados 1.210 B.O.s.






22 visualizações0 comentário

REDES SOCIAIS

WHATSAPP

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco

(13) 99700-4077
(13) 99653-4007

Cadastre-se e receba informações do mandato em seu whatsapp

BRASILIA

Câmara dos Deputados
Palácio do Congresso Nacional
Praça dos Três Poderes - Brasilia - DF
Anexo IV - Gabinete 529
CEP 70160-900
Telefone: (61) 3215-5529

SANTOS

Av. Ana Costa, 146
Salas 301 e 302
Vila Mathias - Santos - SP
CEP 11060-000
Telefone: (13) 3232-1551

Samba The HotShop Agency
Sr.png